______Versão on-line do zine Canibal Vegetariano______

Somos loucos apaixonados por rock, buscando sempre divulgá-lo de forma independente, sem jabá e amarras.

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Rock para todas as idades


Canibal Vegetariano

Domingo à tarde geralmente é um dia em que boa parte das pessoas reclamam que não tem nada de interessante para se fazer. Mas, no último domingo, dia 30 de outubro, rolava em Bragança Paulista a 8ª edição do festival Cardápio Underground, festival de arte e cultura independente. E as atrações do dia prometiam, afinal, além da apresentação dos alunos da Escola de Música Jardim Elétrico, haveria shows da banda uruguaia Guachass  e dos nossos amigos do Leptospirose.

Canibal Vegetariano

Então, com o rock rolando no Espaço SanSo, rumamos sob chuva até a vizinha Bragança Paulista. Quando chegamos já ouvimos um belo som de bateria, uma bela recepção para uma linda tarde/noite de muito rock. No espaço, havia várias gerações, pessoas de todas as idades e "tribos". No palco, crianças e pré adolescentes empunhando guitarras, baixos, baquetas. Ao lado oposto, havia também o Daniel ETE, da Chop Suey Discos, com parte de seu acervo de vinis, camisetas e outras mercadorias para atender o diverso público que passava pelo local.
Das bandas formadas por alunos das escolas conseguimos ouvir várias, e a molecada, tanto garotas quanto garotos, esta mandando bem, foi muito bacana ver uma banda como "Os Irritantes", formada apenas por crianças, a maior parte na faixa dos dez anos, subindo ao palco e tocando suas músicas próprias, nada de cover ou versões nesse dia, algo louvável, pois assim as crianças veem o quanto é importante criar seu próprio som e como isso é prazeroso. Tocar músicas dos ídolos é legal demais, mas a sua não tem preço.
Canibal Vegetariano

Após as apresentações dos alunos, todos eles de parabéns, e o cumprimento estende-se aos professores, pais e amigos que compareceram ao evento para prestigiar a apresentação da garotada. Assim que os alunos deixaram o palco, ele foi tomado pela banda uruguaia Guachass, que havia ouvido apenas pela Internet. E o som aparentava ser muito rock'n'roll. E no palco, duas garotas e dois rapazes mostraram que o Uruguai realmente é um país do rock. Eles mandaram um pertardo atrás do outro sem dar tempo para que as pessoas respirassem e mostraram que rock é algo feito com amor e raça, algo que não falta ao pessoal das Guachass.
E além de muito rock, a banda apresentou uma simpatia e sintonia muito grande com o público e parte dele, muitas garotas, subiu ao palco e cantou junto com os uruguaios. Quem também subiu ao palco e agitou muito com as Guachass foi Júlio, filho mais novo de Quique Brown, o garoto de pouquissima idade, agitou no palco e no público e após audição dos alunos, mostrou que rock é estado de espírito e não tem nada a ver com idade ou qualquer outra coisa.

Canibal Vegetariano

Depois do ótimo show das Guachass, os bragantinos do Leptospirose subiram ao palco e sem delongas mandaram ver no hardcore, punk, rock pauleira que a banda está acostumada e no domingo ainda mais inspirados, pois o álbum Aqua Mad Max, terceiro da banda, havia acabado de ser lançado em vinil, o CD estava sendo vendido há alguns meses. E o show teve músicas dos três albúns e ainda a participação de dois amigos e colaboradores do Leptospirose, Matías Picon e Daniel ETE, que encerraram com chave de ouro mais uma ótima performance de Serginho, Vellhote e Quique.

Canibal Vegetariano

E ao final da apresentação, fizemos algo costumeiro, uma passada na banca para compra de vinis e cd. No caminho de volta, tivemos a certeza, mesmo que muitos ignorem, a chama do rock ainda queima e queimará por muito tempo, pois tem uma juventude muito boa vindo por aí.

Um comentário:

clandestina secreta disse...

putz, queria muito ter visto Guachas... :(