______Versão on-line do zine Canibal Vegetariano______

Somos loucos apaixonados por rock, buscando sempre divulgá-lo de forma independente, sem jabá e amarras.

quinta-feira, 26 de abril de 2012

Há luz no fim da garagem


Canibal Vegetariano
Hoje é uma data especial. Um dos picos mais legais para uma banda de rock se apresentar completa 5 anos. E os parabéns por mais um aniversário vai para o amigo e agitador Phábio Cookies, dono do Stúdios Phábiño, onde todo sábado rola a punkeragem. Às vezes ele também emenda a "sonzera" aos domingos.
Há exatos cinco anos esse cara começou agitando apresentações de algumas bandas e outras bandas apareceram e a cena não apenas no Guarujá, mas em todo litoral, ganhou um espaço tão raro e importante para que as bandas que se preocupam em fazer seu material, compor suas músicas, consigam se apresentar para pessoas com fome de rock e de novidades.
Para quem pensa que o rock morreu, que não há mais novidades, basta passar um sábado na punkeragem e conferir bandas não apenas locais, mas de várias regiões do estado. Estive duas vezes no estúdio com minha banda e nas duas fomos muito bem recebidos e as pessoas que estavam presentes estavam sedentas por música, diversão e tudo o que o rock pode oferecer.

Canibal Vegetariano

Nesse dia tão importante, pois somente quem vive no underground sabe o quanto é difícil manter banda, pagar estídio, gravar e descolar um espaço para fazer um som, sabe que um pico como o do Phábiño comemorar cinco anos é algo raro e heróico, por isso, divulgo a data no blog e faço votos de que esses cinco anos ganhe um zero á frente, pois o que é foi importante ontem, é hoje e será amanhã. Phábiño, espero que você continue com esta luta e nós estamos aqui para ajudá-lo, pois essa é uma luta de todos que gostam de boa música.
Para agendar ensaios, shows e conhecer mais sobre o Stúdio Phábiño, seguem os contatos: (13) 9738-2992, 8848-2992, 3341-7826; msn PHABIOLOPES@HOTMAIL.COM. O estúdio está situado na rua Silvio Fernandes Lopes, 165, Altos, sobre o antigo Bar do Botas.

Nenhum comentário: